Quebrangulo

De WikiAlagoas
Localização de Quebrangulo em Alagoas.

Quebrangulo é um município brasileiro do estado de Alagoas.Terra natal de Graciliano Ramos.

Tabela de conteúdo

[editar] Etimologia

Tudo leva a crer que ali existiu um quilombo onde escravos fugidos viviam em regime comunal. A palavra Quebrangulo é de origem africana, provavelmente bantu, e significa “matador de porcos”. Trata-se de uma homenagem e uma referência a um dos chefes quilombolas, exímio caçador de caititus.

[editar] Demografia

Quebrangulo - AL Censo 2010 - Primeiros Resultados

  • Total da população 11.486 pessoas
  • Total de homens 5.673 pessoas
  • Total de mulheres 5.813 pessoas
  • Total da população urbana 6.474 pessoas
  • Total da população rural 5.012 pessoas
  • Total de domicílios particulares 3.684 domicílios
  • Total de domicílios particulares ocupados 3.021 domicílios
  • Total de domicílios particulares não-ocupados fechados 6 domicílios
  • Total de domicílios particulares não-ocupados de uso ocasional 180 domicílios
  • Total de domicílios particulares não-ocupados vagos 477 domicílios
  • Total de domicílios coletivos 1 domicílios
  • Total de domicílios coletivos com morador 0 domicílios
  • Total de domicílios coletivos sem morador 1 domicílios


[editar] História

Os índios Xucuru (junto com os Cariris, de Pernambuco) foram os primeiros habitantes do município de Quebrangulo,o então povoado de Vitória por conta da proximidade com as terras da serra de Palmeira dos Índios. Da influência dos quilombos, também instalados no povoado, resultou a denominação do município, que significa, na gíria dos negros, "matador de porcos", representando o excelente desempenho do chefe do quilombo em caçadas na época.

A freguesia foi criada pela lei 301. Em 1872, já elevada à vila, foi desmembrada de Viçosa, sendo extinta anos depois. Apenas em 1910, Quebrangulo retornou à condição de cidade.

No início de seu desenvolvimento, o município passou por grandes dificuldades por conta das lutas travadas entre as famílias da cidade, aplainado por influência do Frei Caetano Messina, também responsável pela construção da matriz de Bom Jesus dos Pobres, padroeiro de Quebrangulo.

Há ainda a história de Antonio Amorim, conhecido como "Franciscano". Dono de alto poder de convencimento conseguia reunir multidões para pregar sua religião. Sua influência era tão forte que amedrontava os poderosos do lugar, como o Coronel Lucena Maranhão, enviado para desmobilizar os seguidores, sem sucesso. "Franciscano" foi assassinado em 1954 por motivos políticos.

Untitled.bmp
foto de Amanda Medeiros

[editar] Geografia

[editar] Localização

Ocupa uma área territorial de 342 km² e dista da capital, por estrada de rodagem, 115 quilômetros e por estrada de ferro 135 quilômetros. Seu clima é quente e seco no verão e bastante frio no inverno, ótimo, portanto para veraneios e repousos. A temperatura máxima é de 35°C e a mínima de 14°C. De maio a agosto é a época chuvosa e fria, a estiagem, é de outubro a março. Seu principal acidente geográfico é o Rio Paraíba do Meio, que nasce em Bom Conselho-PE e corta o município, possuindo 30 quilômetros. O Rio Caçambinhas, que nasce em Quebrangulo e banha a sede do município tendo o curso de 11 quilômetros, até sua foz em Viçosa. De menor importância, são os Riachos Dobrão, Seco, Cacimbinhas, Bálsamo e Lunga. As serras mais importantes do município são: as Guaribas, na parte norte com 92 metros; Chorador com 130 metros, nas suas encostas estão as nascentes dos riachos Dobrão e Seco, Cajueiro, com 175 metros, que é a mais alta e dista 20 quilômetros da sede municipal.

[editar] Formação Administrativa

Distrito criado com a denominação de Quebrangulo, pela lei provincial nº 301, de 13-06- 1856. Elevado à categoria de vila com denominação de Quebrangulo, pela lei provincial nº 624, de 16-03-1872, desmembrado de Viçosa (ex-Assembléia). Instalado em 05-09-1872. Pelo decreto estadual nº 4, de 20-02-1890, a vila é extinta, sendo seu território anexado ao município de Assembléia. Elevado novamente à categoria de vila com denominação de Vitória, pelo decreto estadual nº 47, de 27-09-1890, desmembrado de Assembléia. Sede no atual distrito de Vitória ex-Quebrangulo. Constituído do distrito sede. Reinstalado em 19-09-1890. Elevado à categoria de cidade com a denominação de Vitória, pela lei estadual nº 593, de 06-06-1910. Em divisão administrativa referente ao ano de 1911, o município já denominado Vitória é constituído do distrito sede. Pela lei estadual nº 1139, de 20-06-1928, voltou a denominar-se Quebrangulo. Em divisão administrativa referente ao ano de 1933, o município é constituído do distrito de sede. Em divisões territoriais datadas de 31-XII-1936 e 31-XII-1937, o município aparece constituído de 2 distritos: Quebrangulo e Paulo Jacinto. No quadro fixado para vigorar no período de 1939-1943, o município é constituído de 2 distritos: Quebrangulo e Paulo Jacinto. Pela lei nº 1747, de 02-12-1953, desmembra do município de Quebrangulo o distrito de Paulo Jacinto. Elevado à categoria de município. Em divisão territorial datada de 1-VII-1960, o município é constituído do distrito sede. Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007.

[editar] Clima

O clima é do tipo Tropical Semi-Árido, com chuvas de verão. O período chuvoso se inicia em novembro com término em abril. A precipitação média anual é de 431,8mm.

[editar] Vegetação

A vegetação é basicamente composta por Caatinga Hiperxerófila com trechos de Floresta Caducifólia.

No Município de Quebrangulo fica a sede da Reserva Biológica de Pedra Talhada, fazendo divisa com o Município de Lagoa do Ouro/PE. Esta é a maior reserva de Mata atlântica do Nordeste.

[editar] Relevo

Com respeitos aos solos, nos patamares compridos e baixas vertentes do relevo suave ondulado ocorrem os Planossolos, mal drenados, fertilidade natural média e problemas de sais; topos e altas vertentes, os solos Brunos não Cálcicos, rasos e fertilidade natural alta; topos e altas vertentes do relevo ondulado ocorrem os Podzólicos,drenados e fertilidade natural média e as elevações residuais com os solos Litólicos, rasos, pedregosos e fertilidade natural média.

[editar] Hidrografia

Águas Superficiais

O município de Quebrangulo está inserido na bacia hidrográfica do Rio Paraíba, que o atravessa no sentido NW-SE, banhando a sua sede. Seus principais afluentes são: a N, o Rio Caçamba, os Riachos Cabanga, Carangueja, Pedra Talhada, Gavião e Riachão; a ENE, os Riachos Caçamba e Gravatá; a S, os Riachos Cafundó, Água Branca, Preto e Pedra de Fogo. O padrão de drenagem predominante é do tipo pinado, uma variação do dendrítico. Todo esse sistema fluvial deságua no Oceano Atlântico.

Domínios Hidrogeológicos A área do município em estudo está inserida no Domínio Hidrogeológico Fissural: Subdomínio Rochas Metamórficas: caracterizado por rochas do embasamento cristalino regionalmente representadas por granulitos do Grupo Girau do Ponciano e pelos complexos gnaíssico-migmatítico e migmatítico granítico (Arqueano), rochas vulcano-sedimentares, compostas por quartzitos, micaxistos, gnaissese metavulcânicas diversas do Grupo Macururé e ortognaisses (Proterozóico).

[editar] Política municipal

Prefeitura Municipal de Quebrangulo


Marcelo Lima Número de eleitores inscritos em Quebrangulo nos anos de 2008 – 2009 de 9.021 e 8.950 respectivamente.

[editar] Indicadores sócio-econômicos

[editar] Saúde

Segundo o IBGE Quebrangulo possui cerca de 13 estabelecimentos de saúde, onde todos são de rede pública.

Quebrangulo - AL Serviços de Saúde 2009

  • Estabelecimentos de Saúde total 13 estabelecimentos
  • Estabelecimentos de Saúde público total 13 estabelecimentos
  • Estabelecimentos de Saúde público federal 0 estabelecimentos
  • Estabelecimentos de Saúde público estadual 0 estabelecimentos
  • Estabelecimentos de Saúde público municipal 13 estabelecimentos
  • Estabelecimentos de Saúde privado total 0 estabelecimentos
  • Estabelecimentos de Saúde privado com fins lucrativos 0 estabelecimentos
  • Estabelecimentos de Saúde privado sem fins lucrativos 0 estabelecimentos
  • Estabelecimentos de Saúde privado SUS 0 estabelecimentos
  • Estabelecimentos de Saúde com internação total 1 estabelecimento

[editar] Educação

Segundo o IBGEem 2009, Quebrangulo obteve cerca de 2.628 matrículas no ensino fundamental, destas 272 foram em escolas pública estadual e 2.356 e pública municipal. No ensino médio foram matrículadas cerca de 546 alunos na rede pública estadual.

Quebrangulo - AL Ensino - matrículas, docentes e rede escolar 2009

  • Matrícula - Ensino fundamental - 2009 (1) 2.628 Matrículas
  • Matrícula - Ensino fundamental - escola pública estadual - 2009 (1) 272 Matrículas
  • Matrícula - Ensino fundamental - escola pública federal - 2009 (1) 0 Matrículas
  • Matrícula - Ensino fundamental - escola pública municipal - 2009 (1) 2.356 Matrículas
  • Matrícula - Ensino fundamental - escola privada - 2009 (1) 0 Matrículas
  • Matrícula - Ensino médio - 2009 (1) 546 Matrículas
  • Matrícula - Ensino médio - escola pública estadual - 2009 (1) 546 Matrículas
  • Matrícula - Ensino médio - escola pública federal - 2009 (1) 0 Matrículas
  • Matrícula - Ensino médio - escola pública municipal - 2009 (1) 0 Matrículas
  • Matrícula - Ensino médio - escola privada - 2009 (1) 0 Matrículas

[editar] Atividades Agropecuárias

Quebrangulo situa-se na "zona da pecuária", seu criatório de gado bovino é grandioso, servindo inclusive para exportar carne para a capital e estados vizinhos. O município já foi grande produtor de algodão, café, mandioca, banana, feijão e milho, que são vendidos geralmente na sede municipal, em regiões vizinhos e na capital do Estado.

[editar] Produção Agrícola

Área colhida, quantidade produzida e valor da produção dos produtos agrícolas da lavoura temporária. Com áreas colhidas em mandioca, milho, batata-doce e feijão.
Produção Agricola

[editar] Produção Pecuária

Segundo o IBGE , Quebrangulo possui uma produção de rebanhos, onde constam dados da produção entre os anos 2003 à 2008, assim como segue na tabela ao lado.
Quebrangulpecur.png

[editar] Saneamento Básico

População atendida, quantidade de ligações e economias , extensão da rede, volume produzido, consumido e faturado- 2007.

Saneamento.png

[editar] Comunicações

Rádio

[editar] Transportes

[editar] Aeroportos

[editar] Ferrovias

Para se ter acesso ao município, conta o quebrangulense com duas empresas de ônibus. A antiga Rede Ferroviária Federal S/A, que fazia a linha Maceió – Porto Real do Colégio via Quebrangulo, está desativada, mas ainda hoje mantém o transporte por trem de carga, uma vez por semana.

[editar] Hidrovias

[editar] Rodovias

As estradas que fazem acesso ao município são: rodovia AL-210, trecho Palmeira dos Índios – Quebrangulo, de nome Rodovia Graciliano Ramos, asfaltada, foi construída no governo Guilherme Palmeira e inaugurada no dia 2 de dezembro de 1979. O trecho Serra do Muro – Quebrangulo possui 22,48 quilômetros. A rodovia AL 210, asfaltada que cobre o trecho Quebrangulo – Paulo Jacinto, foi construída nos governos José de Medeiros Tavares - Divaldo Suruagy, e inaugurada em outubro de 1986. A terceira estrada é o trecho Quebrangulo – Bom Conselho PE, é uma estrada vicinal, não asfaltada.
Estação de Trem

[editar] Frota do município

  • Automóvel - Tipo de Veículo 218 Automóvel
  • Caminhão - Tipo de Veículo 16 Caminhão
  • Caminhão trator - Tipo de Veículo 0 Caminhão Trator
  • Caminhonete - Tipo de Veículo 76 Caminhonete
  • Micro-ônibus - Tipo de Veículo 4 Micro-ônibus
  • Motocicleta - Tipo de Veículo 400 Motocicleta
  • Motoneta - Tipo de Veículo 24 Motoneta
  • Ônibus - Tipo de Veículo 2 Ônibus
  • Trator de rodas - Tipo de Veículo 0 Trator de rodas

[editar] Transporte coletivo urbano

[editar] Cultura

Terra natal de Graciliano Ramos, Quebrangulo tem como ponto forte a preservação das tradições populares, com o incentivo a folguedos como Bumba-meu-Boi e o maracatu Nega da Costa na Festa da Cultura . A festa da padroeira (31/12) também atrai muitos visitantes que têm ainda, na Reserva de Pedra Talhada, a opção de desfrutar de um pedaço da Mata Atlântica próximo à cidade.

Hino do município de Quebrangulo

Letra por Pedro Teixeira de Vasconcelos

Melodia por Juvenal Lopes


Implantada no pé da colina

Sob um céu todo cheio de luz,

És a estrela que sempre ilumina

O caminho que os filhos conduz.

Quebrangulo, teu nome é vitória

Esperança de um grande porvir,

Teu passado é um modelo de glória

Teu presente é canteiro a florir.

Nos teus campos de eterna verdura,

Nos teus rios de suma beleza,

Tu revelas, com tanta ternura,

Que é dos montes excelsa Princesa.

És a terra de vultos famosos

A quem hinos tão belos entoam,

Na passagem dos dias ditosos

Vais levando, em triunfo, Alagoas.

Igreja Matriz de Quebrangulo
Nega da Costa foto de Amanda Medeiros
Festa da Cultura foto de Amanda Medeiros

[editar] Figuras Ilustres

Eutênio Tenório de Albuquerque - Almirante da Marinha do Brasil

Pacífico Pacato Cordeiro Manso - Escritor da literatura de Cordel

Esperidão Tenório de Albuquerque - Advogado, juiz de Direito e Desembargador

Clóvis de Holanda - Poeta

José Maria Tenório Rocha - Intelectual, escritor, folclorista e professor universitário

Graciliano Ramos - Filho mais ilustre, foi escritor e tem seu nome reconhecido e respeitado no campo literário, tanto em nível nacional como internacional

[editar] Gastronomia

[editar] Folclore

[editar] Religião

Matriz do Senhor Bom Jesus dos Pobres, domina todo o centro da cidade e a Igreja do Rosário situada num alto, onde se pode ter uma visão quase geral da cidade.

[editar] Esportes

[editar] Ver Também

Video no Youtube

Video no Youtube

[editar] Vídeos

[editar] Referências

Municípios Alagoanos – Douglas Apratto Tenório: historiador – Rochana Campos: Geógrafa – Cícero Péricles: Economista – Maceió: Instituto Arnon de Mello, 2006

Ferramentas pessoais
Secretaria de Planejamento